Hong Kong está a ferro e fogo. É difícil prever o que se pode vir a passar nos próximos dias. Se um dia existem confrontos entre manifestantes e polícia, no outro tudo pode ser nada mais do que mais um dia na vida de milhares de manifestantes que mais não pedem do que um futuro risonho para o centro financeiro asiático.